O eixo Rua da Palma – Avenida Almirante Reis enquanto espaço de representações literárias e trajetos emocionais na Lisboa no Século XX

O investigador do ZOE/CEG Aquilino Machado, membro do projeto Ágora, contribuiu, no passado dia 26 de Março, para o III Ciclo de conferências “Novos Estudos e Novos Olhares sobre a Cidade: Lisboa do Terramoto à Revolução de Abril”, com a comunicação “O eixo Rua da Palma – Avenida Almirante Reis enquanto espaço de representações literárias e trajetos emocionais na Lisboa no Século XX.

 

Nesta comunicação, no Museu de Lisboa/Palácio Pimenta, o Aquilino contribuiu para a reflexão sobre a forma como podem os territórios literários inscritos neste eixo urbano emprestar uma interpretação robusta dos diversos espaço-tempo e sobre a forma como estes se repercutem nas transformações urbanas, analisando particularmente o período entre o final do séc. XIX e ao 25 de Abril de 1974.

A imagem pode conter: ar livre

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s